O NAPNE no IFSP campus Hortolândia foi criado em 2014 por meio da PORTARIA n° 3.895, DE 14 DE AGOSTO DE 2014.

O Núcleo de Apoio às Pessoas com Necessidades Educacionais Específicas – NAPNE – do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo – Campus Hortolândia é um setor que media a Educação Inclusiva do campus.

Quais são as necessidades educacionais específicas atendidas pelo NAPNE? Todas aquelas cujas necessidades educacionais se originam em função de deficiências, de altas habilidades/superdotação, transtornos globais de desenvolvimento ou outros transtornos de aprendizagem.

 

Para que serve o NAPNE?

  1. incentivar, mediar e facilitar os processos de inclusão educacional e profissionalizante de pessoas com necessidades educacionais específicas na instituição;
  2. contemplar e implementar as Políticas Nacionais de Educação Inclusiva;
  3. incentivar, participar e colaborar no desenvolvimento de parcerias com instituições/organizações que atuem com interesse na educação/atuação/inclusão profissional para pessoas com necessidades educacionais específicas;
  4. participar do ensino, pesquisa e extensão sobre questões relacionadas à inclusão de pessoas com necessidades específicas no âmbito estudantil e social;
  5. promover a divulgação de informações e resultados de estudos sobre a temática, no âmbito interno e externo dos câmpus, articulando ações de inclusão em consonância com a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica;
  6. promover a cultura da educação para a convivência, aceitação e respeito à diversidade;
  7. integrar os diversos segmentos que compõem a comunidade, propiciando sentimento de co-responsabilidade na construção da ação educativa de inclusão na Instituição;
  8. garantir a prática democrática e a inclusão como diretriz do Campus;
  9. buscar a quebra de barreiras arquitetônicas, educacionais, comunicacionais e atitudinais na instituição;
  10. promover capacitações relacionadas à inclusão de pessoas com necessidades educacionais específicas.

 

Equipe:

  • Coordenadora: Daiane Mastrangelo Tomazeti (Docente)
  • Cleber Fernandes Nogueira (Pedagogo)
  • Fernando Henrique Protetti (TAE)
  • Juliana Fernanda da Silva (Assistente Social)
  • Marina Roquette Lopreato (Psicóloga)
  • Priscyla dos Santos Vieira (TAE)
  • Rovílson Dias da Silva (Docente)

 

III Ciclo de Debates Napne: diversidade, inclusão e acessibilidade

No dia 18 de outubro de 2018 ocorreu o III Ciclo de Debates Napne: diversidade, inclusão e acessibilidade. Contamos com a presença de Erick Alves Santos e de Guilherme Henrique Inocêncio, discentes do IFSP câmpus Capivari que ministraram o Curso Noções Básicas de Grafia Braille. O público-alvo foram os docentes, técnicos administrativos e discentes de Licenciatura em Matemática do câmpus Hortolândia. O curso teve duração de três horas e foi abordado os seguintes tópicos: 1- Breve introdução histórica do Braille no Brasil; 2- Fontes de capacitação Nacional em Braille para docentes e atuantes da área; 3- Cela Braille, alfabeto de letras e números; 4- Escritas de frases (atividade prática para treino de escrita); 5- Ferramentas de escrita: Reglete positiva, Reglete negativa e Máquinas PERKINS; 6- Noções de impressora Braille; 7- Apresentação básica de softwares de braille (Braille Fácil e Monet); 8- Adaptações básicas de materiais didáticos. O curso foi muito enriquecedor e motivou os estudantes e professores a buscarem mais conhecimentos na área de Inclusão e Educação.

 

Boletim Informativo NAPNE 2017 (arquivo em pdf, tamanho 626 kb)